- Publicidade -

Futuros dos EUA oscilam após ataque hacker no maior duto de transporte de combustíveis do país

O Ibovespa encerrou o pregão da última sexta-feira (7) com alta de 1,77%, superando os 122 mil pontos pela primeira vez desde 14 de janeiro. O resultado foi puxado por dados de emprego divulgados nos EUA, que foram abaixo do esperado.

No Brasil, as atenções estão voltadas para a divulgação dos resultados trimestrais de empresas.

Já nos EUA, o final de semana foi marcado por um ataque hacker que forçou a paralisação do maior duto de transporte de combustíveis do país, o Colonial Pipeline, que possui um sistema de 5.500 milhas.

A companhia afirmou que a paralisação do transporte de combustível da Costa do Golfo à área metropolitana de Nova York foi forçada, pois tiveram que derrubar sistemas para frear a ameaça. A duração ou extensão do ataque ainda não foi identificada.

Os futuros americanos têm desempenhos variados entre si, enquanto as bolsas asiáticas tiveram alta, em sua maioria. No Japão, os papéis da Nikkei subiram 0,55%, já o Topix, subiu 0,99%. Na China, o Shanghai teve elevação de 0,27%, na mesma medida em que as ações do Hang Seng, de Hong Kong, caíram 0,3%.

Na zona do euro as bolsas também variam. O índice Eurostoxx, que reúne ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 economias europeias, permaneceu estável.

Referente às commodities, o destaque está para o minério de ferro, em que teve um salto de 10% em seu contrato futuros na Bolsa de Dalian.

Confira os principais indicadores às 7h23:

ÁSIA

Nikkei 225 [+0,55%] 🔵

S&P/A SX 200 [+1,30%] 🔵

Hang Seng [-0,12%] 🔴

Shanghai [+027%] 🔴

EUROPA

DAX [-0,23%] 🔴

FTSE 100 [+0,17%] 🔵

CAC 40 [-0,20%] 🔴

SMI [-0,58%] 🔴

FUTUROS ÍNDICES EUA

US 30 [+0,27%] 🔵

S&P 500 [+0,01%] 🔵

Nasdaq [-0,38%] 🔴

Russell 2000 [-0,48%] 🔴

COMMODITIES

Ouro [+0,43%] US$ 1.838,85 🔵

Prata [+1,39%] US$ 27,852 🔵

Cobre [+2,54%] US$ 4,8688 🔵

Petróleo Brent [+0,64%] US$ 68,69 🔵

Petróleo WTI [+0,49%] US$ 65,75 🔵

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias relacionadas