- Publicidade -

UBS mantém recomendação de compra de ações da Petrobras

Um relatório da UBS manteve a recomendação de compra das ações da Petrobras, baseado no fato de, apesar da mudança autoritária e intempestiva, a política de preços permanece a mesma.

“Apesar da influência do governo federal, a questão-chave está fincada na estratégia de longo prazo da petroleira. O risco só se fará concreto caso a Petrobras mude sua política de preços e comece a subsidiar os preços do combustíveis como feito durante a Era Dilma (2010-2014),” diz o documentos assinado pelos analistas Luiz Carvalho e Gabriel Barra.

UBS relembra que em 68 anos de história da Petrobras, estamos prestes a ter o 39° presidente a comandar uma das maiores empresas da América Latina, o que reflete em uma média de 1,7 ano em cada gestão.

Para a dupla, outro fator que poderia acender o sinal de alerta seria, caso a estatal também mudasse sua direção de desinvestimentos, principalmente em refino e gás natural.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias relacionadas