- Publicidade -

Substituto de Brandão para o Banco do Brasil será escolhido por Guedes e Bolsonaro, afirma colunista

O futuro presidente do Banco do Brasil, que substituirá André Brandão será de forma conjunta pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da economia, Paulo Guedes. De acordo com assessores do Palácio do Planalto pelo colunista Robson Bonin, da revista Veja, o objetivo é buscar alguém com afinidade com o mercado e que possuía bom trânsito em Brasília.

O principal fator para a queda de Brandão foi a insatisfação de Bolsonaro com o seu “jogo político”. Segundo a Veja, a avaliação do presidente da República é de que o antigo chefe do BB teria pensado apenas nas questões técnicas do plano de ajuste do banco e não no impacto político das mudanças para o governo.

Um exemplo desse aspecto, apontado pelo blog da jornalista Andréia Sadi, o anúncio de fechamento de agências do Banco do Brasil, que faz parte de um projeto de planejamento de reestruturação do banco. O PR teme o desgaste político da medida em véspera de ano eleitoral.

Assim, apesar de ser um nome querido pelo mercado, Brandão caiu por não levar em conta a “dimensão política” de suas ações.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias relacionadas