- Publicidade -

Clubhouse, saiba mais sobre a rede social mais exclusiva e comentada do momento!

Nos últimos dias um dos assuntos mais comentados na internet (principalmente no nicho de negócios) é o exclusivo aplicativo Clubhouse, que chegou a ser um dos assuntos mais comentados do Twitter na última semana. 

O Clubhouse surgiu em abril de 2020, sendo criado por dois ex-diretores do Google: Rohan Seth e Paul Davidson. Sendo fruto do Vale do Silício, o aplicativo tem como principais tópicos: negócios, mercado financeiro, inovação e etc, mas também existem salas sobre qualquer tipo de assunto (de meditação até culinária). O Clubhouse é um aplicativo que tem como foco o meio auditivo,  sendo possível participar de bate-papos via áudio sobre os mais diversos tópicos, de certa forma o Clubhouse permite que os usuários participem de podcasts ao vivo, sendo capaz de fazer network com indivíduos do mesmo ramo que você está inserido. No Brasil, uma das salas mais famosas foi a sala promovida diariamente por Thiago Nigro e Flavio Augusto, a sala tinha um limite de 5 mil participantes e a disputa pelas vagas era imensa, sendo necessário estar pontualmente no horário para conseguir uma dessas vagas.

 A rede social (nos seus meses iniciais) esteve inserida na bolha do Vale do Silício, sendo majoritariamente usada por executivos e funcionários do polo tecnológico. O aumento da popularidade do app e a alta procura para fazer parte dessa rede veio após Elon Musk, homem mais rico do mundo atualmente, twittar que fazia parte dessa rede, e como tudo que Elon Musk toca vira ouro a rede social teve um grande boom. Para exemplificar e resumir, Elon Musk tem uma enorme influência sobre a parte mais jovem da população, ele já fez o preço de Bitcoin subir, ações subirem e etc. Então não é de se espantar que a rede social indicada por ele tenha um grande aumento de demanda, para pouquíssima oferta, já que é necessário um convite para acessar e criar sua conta no Clubhouse, tornando a disputa e o desejo para entrar na rede social ainda maior. Em questão de meses o valuation da empresa saltou de US$100 milhões para US$1 bilhão, tornando o Clubhouse uma Startup Unicórnio, ou seja, uma startup sem capital na bolsa que já atingiu o valor de US$1 bilhão. 

O Clubhouse é uma rede social inovadora e promissora, mas atualmente no ramo dominado pelo Facebook é necessário estar em constante evolução. A rede social precisa estar acessível para todos que quiserem entrar, não apenas para usuários de IOS que possuem convites. Além disso se faz necessário a constante evolução do aplicativo, adicionando novas funcionalidades e novidades. 

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias relacionadas