'É a economia se levantando’, comemora Guedes após saldo positivo do Caged

Só no mês de maio, foram criados 110 mil postos de trabalho no setor de serviços e 60 mil no comércio, áreas bastante fragilizadas durante a crise.

Nos primeiros cinco meses do ano, foram criadas 1,2 milhão de novas vagas de trabalho no Brasil, sendo 280 mil vagas só em maio. Para o ministro da economia Paulo Guedes, essa foi uma “excelente notícia” e demonstra uma recuperação econômica do país.
 

“[É] Importante registrar que todas as regiões, todos os setores, todas as cidades e Estados estão registrando a criação de novos empregos”, comentou nesta quinta-feira (01), durante a divulgação do resultado do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). “É a economia brasileira se levantando.”
 
Esclarecendo a fala, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho informou que o ministro quis dizer que houve criação de vagas em todas as unidades da Federação, e não em todas as cidades.
 
Dos postos de trabalho criados em maio, aproximadamente 39% se concentraram no setor de serviços, foram 110 mil vagas. Já no comércio, o total foi de 60 mil.
 
“Esperamos que as demais medidas que estamos tomando venham ainda a acelerar esse processo [de recuperação]”, concluiu Guedes.