Expectativas para 2024

Focus: projeção para inflação cai, mas avança para PIB e Selic

O BC projeta agora inflação de 3,72%, enquanto estimativa para o PIB cresceu para 2,05% e 9,63% a.a para a Selic

Focus do BC (Banco Central)
BC (Banco Central) / Foto: Rafa Neddermeyer/ Agência Brasil

O Boletim Focus do BC (Banco Central), publicado nesta segunda-feira (6), projeta menor IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), principal medidor da inflação no Brasil, para 2024, mas avança nas expectativas para o PIB e a taxa básica de juros (Selic).

BC recua projeção para IPCA

Na última semana, as projeções de 2024 para o IPCA, medidor da inflação no país, recuaram 0,01%, indo de 3,73% para 3,72%.

Para o ano de 2025, por sua vez, a projeção avançou de 3,60% para 3,64%. Para 2026 e 2027, as expectativas se mantiveram em 3,50%.

Focus prevê PIB maior para 2024

A mediana das projeções para o PIB (Produto Interno Bruto) de 2024 avançou para 2,05%, ante 2,02% na semana passada.

Para os anos de 2025, 2026 e 2026, as estimativas não sofreram alteraçções, permanecendo em 2,0%.

BC: Selic volta a crescer

A projeção para Selic de 2024 no Boletim Focus desta segunda-feira (6) voltou a crescer, após ter permanecido inalterada na última semana. O BC espera taxa de 9,63% a.a, ante 9,50% a.a do dia 30 de abril.

Para o ano seguinte, a estimativa se manteve em 9,0% e, para 2026, também avançou para 8,75% a.a, ante 8,63% a.a. A estimativa para 2027 permaneceu em 8,50%.

Câmbio

A mediana das projeções para o dólar se manteve em todos os anos: R$ 5,00 em 2024, R$ 5,05 em 2025 e R$ 5,10 em 2026 e 2027.

Resultado primário

A projeção para o resultado primário em 2024 subiu para -0,67% do PIB, ante -0,70% do PIB registrado na semana anterior. Para 2025 e 2026, as estimativas se mantiveram em -0,68% do PIB e -0,50% do PIB, respectivamente.

Já para o ano de 2027, a projeção voltou a subir, indo de -0,25% do PIB para -0,23% do PIB.

Dívida pública

Para a dívida líquida do setor público, a projeção do BC se manteve inalterada para 2024, em 63,85% do PIB. Para o ano seguinte, houve avanço de 0,10%, de 66,40% do PIB para 66,50% do PIB.

Para os anos de 2026 e 2027, as estimativas também cresceram, indo de 68,00% do PIB para 68,40% do PIB e de 69,70% do PIB para 69,90% do PIB, respectivamente.

Balança comercial

As projeções para a balança comercial brasileira em 2024 recuou, indo de US$ 80,00 bilhões para US$ 79,75 bilhões. Para 2025, as expectativas foram de US$ 75,00 bilhões para US$ 76,00 bilhões.

Para os anos de 2026 e 2027, as estimativas permaneceram em US$ 77,50 bilhões e US$ 75 bilhões, respectivamente.