Acompanhamento da Bolsa

Ibovespa ganha força e vai aos 128 mil pontos; dólar sobe

Em Wall Street, os índices operam em queda, apesar de ter iniciado a sessão de forma mista

Ibovespa
Ibovespa opera em alta (Foto: Pixabay)

O Ibovespa, principal índice do mercado acionário brasileiro, opera em alta e estende os ganhos registrados no início da sessão desta quarta-feira (13).

Por volta das 12h07 (horário de Brasília) o marcador apresentava ganhos de 0,34%, aos 128.104 pontos.

No mesmo compasso do Ibovespa, o câmbio também apresentoava variação positiva. Neste mesmo período, o dólar comercial operava em ganhos de 0,13%, cotado a R$ 4,98.

Ibovespa é sustentado por avanço da Petrobras (PETR4)

Na sessão do Ibovespa desta quarta-feira (13), o dia é de recuperação dos papéis da estatal Petrobras (PETR4), após o recente burburinho sobre dividendos extraordinários. Apesar da recuperação, os papéis PETR3 e PETR4 ainda performam em queda de 0,27% e 0,16%, respectivamente.

Em sessão de noticiário fraco e sem grande direcionamento dos mercados externos, o Ibovespa se equilibra entre a queda de Vale (VAL3)

A performance dos papéis da mineradora reflete não apenas o recuo do mercado de minério de ferro, impactado pela crise no mercado imobiliário chinês, como também os ruídos em relação ao processo sucessório da empresa. 

EUA

Em Wall Street, os índices operam em queda, apesar de ter iniciado a sessão de forma mista, com alguns índices ainda surfando no rali da sessão anterior, que impulsionou o recorde no S&P 500.

S&P 500 – que lista as 500 maiores empresas do país – atingiu porcentagem recorde, encerrando em alta de 1,12%. O que levou esse otimismo às operações, além dos dados do CPI (índice de preço ao consumidor), que mede a inflação do país norte-americano, foram os papéis da Oracle (ORCL34). As ações saltaram 11,7%, o que também foi recorte. 

Por hora, o mercado norte-americano corrige parte dos ganhos de ações do setor de tecnologia, e os índices seguem um ritmo de queda. O destaque negativo vai para o Nasdaq, com a maior entre as perdas.

Cotação dos índices dos EUA:

Dow Jones: -0,15%

S&P 500: -0,16%

Nasdaq: -0,57%