Privacidade e cookies: Utilizamos cookies no nosso website para melhorar o desempenho e a sua experiencia como utilizados.Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso. Visite nossa Política de Cookies para saber mais.

Dinheiro

Anec prevê alta de 22% nas exportações de cereais

Redação BP Moneyem 14 de setembro de 2021 17:15
  • Em setembro de 2020, foi-se registrados 3,91 milhões de toneladas embarcadas
  • Na semana passada a Anec havia feito uma previsão de 4,4 milhões de toneladas, mas a entidade realizou novo reajuste de 9%
  • Nesta semana o milho já embarcou 2,9 milhões de toneladas, na semana passada o cereal atingiu 2,67 milhões de toneladas

A Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec) elevou suas projeções para as exportações de soja e milho do Brasil em setembro, a entidade espera que os envios dos cereais alcancem 4,8 milhões de toneladas, segundo relatório divulgado nesta terça-feira (14).

Em comparação com o mesmo período do ano passado, quando se registrou o embarque de 3,91 milhões de toneladas, a nova projeção prevê um crescimento de 22% nas exportações.

Na semana passada, a expectativa da Anec, baseada na programação de navios, estava em 4,4 milhões de toneladas para a soja, o reajuste representa um crescimento de 9%.

No milho, a Anec passou a ver os embarques em 2,9 milhões de toneladas, comparando com os 2,67 milhões na semana passada.

A exportação do cereal representaria uma queda brusca em relação as 5,76 milhões de toneladas enviadas ao exterior em setembro de 2020, devido à quebra na segunda safra 2020/21.

Relacionadas