Empresas

Ação da Multilaser é precificada a R$ 11,10 em IPO; Privalia adia abertura de capital por “condições de mercado”

Redação BP Moneyem 21 de julho de 2021 13:48
  • A companhia deve estrear no pregão da B3 na próxima quinta-feira (29)
  • A operação envolveu a venda de 198.160.223 ações
  • A Privalia Brasil afirma que divulgará no momento adequado desdobramentos sobre a eventual Oferta Restrita

De acordo com informações registradas na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da Multilaser (MLAS3) saiu a R$ 11,10 cada. O valor foi próximo das expectativas dos coordenadores, que previam entre R$ 10,80 e R$ 13,00 por ação.

A partir da venda de 198.160.223 ações, a empresa de produtos eletrônicos movimentou R$2,2 bilhões, sendo R$ 1,9 bilhão correspondentes à oferta base. 

Como a operação envolve apenas a venda de ações novas, os recursos devem ir para o caixa da companhia, que pretende usá-los para reforçar o caixa, pagar dívidas e fazer aquisições.

A companhia deve estrear no pregão da B3 na próxima quinta-feira (29), negociada sob o ticker MLAS3.

A empresa de outlet online, Privalia Brasil, que estava prestes a fazer a precificação do seu IPO, comunicou que a oferta foi suspensa em razão da volatilidade das condições de mercado aferidas nos últimos dias. Em nota, a companhia afirma que divulgará no momento adequado desdobramentos sobre a eventual Oferta Restrita nos termos da regulamentação aplicável.

Relacionadas